Corretivos Orgânicos
Corretivos Orgânicos

Os Centros Integrados de Tratamento e Valorização de RSU produzem um composto orgânico, a partir da digestão anaeróbica e posterior compostagem da fracção orgânica contida nos RSU.

 

O composto produzido na Unidade de Aveiro tem a designação comercial de Biocresce e o produzido na Unidade de Coimbra, Fertisuc.

 

Os níveis de matéria orgânica que apresentam conferem a estes fertilizantes a classificação de corretivos agrícolas orgânicos.

 

Encontram-se higienizados e não contêm sementes ou propágulos de plantas infestantes, para além de estarem maturados, pelo que as aplicações destes fertilizantes podem realizar-se num prazo inferior a três semanas, antes da sementeira ou plantação.