Biogás nos Aterros

 

Biogás de Aterro


Presentemente o biogás de aterro, é ainda produzido em três antigos aterros sanitários, que já se encontram fechados para a receção de RSU, mas onde os resíduos continuarão a sofrer a decomposição e a produzir biogás até aos próximos 20 anos, nomeadamente os aterros de Aveiro, Coimbra e Figueira da Foz.

 

Em Aveiro


Neste aterro, existem três células. Na célula 1 existem resíduos que foram depositados entre 1998 a 2004, na célula 2 existem resíduos que foram depositados entre 2004 a 2009 e na célula 3 temos resíduos que foram depositados de 2009 até este ano. Em todas existe a extração do biogás, ainda que na célula 3, a rede não esteja concluída, já que ainda esta a ser modelada, após o recente encerramento.

 

Célula 1 e Célula 2 do Aterro Sanitário de Aveiro

 

 

Em Coimbra


Também existem duas células, já que dada a proximidade, a antiga célula B foi unida à célula 1. Ambas estão em extração de biogás, ainda que a segunda ainda estja a ser alvo de alguma modelação e exista uma extensão de furos e rede de biogás prevista.

 

Célula 1 e Célula 2 do Aterro Sanitário de Coimbra
   

 

Na Figueira da Foz


Existe uma célula selada e uma segunda em vias de fecho e modelação. Já não esta a receber resíduos, mas já tem no seu primeiro talude uma extração de biogás. 

 

Célula 1 e Célula 2 do Aterro Sanitário da Figueira da Foz